domingo, 21 de junho de 2009

Pergunto-me...

se o cinema porno não será a única forma de arte que não se importe de todo com o facto de não precisarmos de ver a sua obra até ao fim (ou desde o início for that matter) para captar a essência

1 comentário:

O. Filipe Marques disse...

Meu deus, nunca tinha pensado dessa forma...!

 

Free Blog Counter